11.11.12

 

 

FC PORTO 2-1 Académica 

 

Vítor Pereira escolheu o mesmo 11 que jogou na Ucrânia. 

 

A primeira parte foi muito fraca. Tudo muito lento, sem dinâmica nem ideias... zero. Uma grande oportunidade quando Jackson falhou por pouco um chapéu ao GR adversário. A Académica só defendia. 

 

Na Segunda parte sem ter feito nada de especial melhoramos. Logo aos 4 minutos James finalizou e deu vantagem ao Porto. O golo deu tranquilidade a equipa e além de dominar o jogo conseguíamos criar algum perigo. O Segundo golo apareceu depois de um grande remate de fora da área do Moutinho. Ainda estivemos perto do 3º golo, Atsu isolado falhou a principal oportunidade. Quando parecia que o jogo ia ser tranquilo a Académica que nada fez para o justificar reduziu, depois de um remate de longe em que Helton podia ter feito melhor. Até ao fim o Porto geriu o jogo e nada de especial se passou. 

 

Mais uma vez falo do relvado. Está cada vez pior. Prejudica claramente a nossa equipa. 

 

Destaques Positivos: Moutinho - Fez um bom jogo com destaque para o grande golo.

 

Destaques Negativos: Danilo - Foi infeliz hoje, defensivamente cumpriu até porque a Académica não atacou, mas perdeu muitas bolas. No ataque tem que procurar mais a linha lateral. Helton - Teve culpas no golo sofrido. Acontece aos melhores. 

 

Conclusão: Depois da longa viagem o Porto entrou a dormir, a primeira parte foi muito fraquinha. Na segunda jogamos melhor e garantimos os 3 pontos que era o mais importante. A vitória é justa, fomos os únicos a procurar ganhar. Nota para o relvado, está cada vez pior e prejudica a nossa equipa. 

 

 

 

2ª Liga 

 

Arouca 0-0 FC PORTO B 

link do postPor 100% Dragão, às 20:32  Comentar

De paulo a 12 de Novembro de 2012 às 10:06
Bom dia,

Tal como se previa, o FC Porto teve uma difícil prova de superar diante da Briosa.
Após o apuramento para os oitavos-de-final da champions e a fantástica exibição diante do Marítimo, os adeptos esperavam mais brilhantismo na vitória de hoje, o que não foi possível muito por mérito de uma Académica muito bem escalonada, concentrada, disciplinada e rigorosa na marcação aos nossos homens do tridente ofensivo, e sempre sem descurar as transições rápidas por intermédio de Cissé, Marinho e Wilson Eduardo.
Os homens de Pedro Emanuel estavam motivados após a vitória diante do Atlético de Madrid, e com o passar dos minutos, não conseguindo o FC Porto abrir o activo, ainda mais confiança angariavam.
Foi necessária portanto muita cabeça e paciência para encontrar o caminho certo para o golo.
Os adeptos foram excelentes no apoio à equipa, pois noutros tempos os assobios soariam bem cedo.
Tivemos na primeira parte muita posse de bola, mas o nosso jogo não era objectivo, criativo, e quase sempre terminava sem tiro à baliza à guarda de Ricardo.
Com James escondido do jogo, Varela apagado e Jackson sem bolas na área, VP tinha de encontrar soluções para desmanchar a estratégia da Briosa na segunda parte.
E assim foi. No segundo tempo a equipa entrou com mais velocidade de circulação de bola, e surgiram no jogo Lucho e Moutinho, que souberam pautar o nosso jogo, e foram o cérebro para delinear as jogadas que abriram a muralha defensiva adversária.
Moutinho e Lucho com passes rasgados para as costas dos defesas adversários, foram tentando servir ora Jackson, Varela ou James.
El Comandante fez duas assistências para golo. Moutinho apontou o golo da noite.
Excelente dupla esta que pauta o nosso jogo.
Valeram os três pontos conquistados, que nos permitem manter a liderança.
Última nota para o mau estado do relvado, que aqui e ali complicou o nosso jogo.
Excelente o número de adeptos presentes no Dragão, que ultrapassou os trinta mil.
Agora segue-se o jogo para a Taça de Portugal diante do Nacional, uma partida complicada, que tentaremos vencer para seguir em frente na prova.

Abraço e boa semana.

Paulo

pronunciadodragao.blogspot.pt

Estádio do Dragão
Novembro 2012
D
S
T
Q
Q
S
S

1
2
3

4
5
6
7
8
9
10

12
15

19
20
23

25
27
29
30


blogs SAPO