18.9.11

 

 

Feirense 0-0 FC PORTO

 

Nem sei o que dizer depois de um jogo tão fraco. 

 

O Porto nos últimos jogos até estava a jogar bem e sinceramente estava a espera de numa vitória mais ou menos fácil. 

 

Mangala fez a sua estreia no FC Porto ao lado de Rolando. 

 

Na primeira parte tudo muito lento, sem o Hulk e o Palito, o Porto não consegui jogar nas alas, C.Rodriguez andou desaparecido e o James vinha muito para o meio, os laterais não fizeram um único ataque. 

 

Kléber continua com dificuldades para entrar no jogo atacante do Porto. 

 

Um meio campo desorganizado. Sem um verdadeiro trinco (Fernando) que dá o equilíbrio a equipa. Isso é fundamental.

 

Ao intervalo Vítor Pereira tira o Kléber e coloca o Varela, ficamos a jogar sem Ponta de lança contra uma equipa que queria empatar, não faz sentido. Mesmo não estando a jogar bem, não percebo a ideia de jogar sem PL, ou poderia ter entrado o Walter... ou não conta? É cada vez mais obvio que deveríamos ter contratado um Ponta de Lança, mas agora também não vale a pena falar sobre isso. 

 

A segunda parte também foi muito má, apesar disso ainda mandamos 2 bolas ao ferro, o azar continua, e James foi a tempo de ser expulso, como é obvio em véspera de um jogo contra os visitantes o arbitro não iria perder a mínima oportunidade para expulsar um dos nosso jogadores, o James deveria saber isso. 

 

Enfim... Jogo muito mau por parte de toda a equipa e do próprio Vítor Pereira, agora não vale a pena dramatizar, até prova em contrario isto foi apenas um jogo mau, vamos acreditar que já no próximo jogo o Porto vai demonstrar o que realmente vale. 

 

Um jogo não para ser esquecido, mas sim para ser lembrado. Não queremos mais ver um jogo tão fraco como este. 

 

Sinal para o excelente apoio dos nosso adeptos. Não foi por eles... 

 

 

 

 

 

 

link do postPor 100% Dragão, às 21:06 

De dragão Vila Pouca a 18 de Setembro de 2011 às 23:39
Em Aveiro os únicos que compareceram foram os adeptos

Começando pelo fim... Mesmo que o árbitro tenha errado na expulsão de James e errou, o amarelo era mais que suficiente, ao contrário do que disse o debilóide do Valdemar Duarte, não culpem o juíz pelo empate. A culpa foi toda nossa. Começou na abordagem ao jogo e continuou na postura durante o jogo e mais, o resultado é justo. Dito isto, vamos ao que interessa...

Entre um jogo da Champions que era importante ganhar e ganhamos e outro frente ao clube do regime que também queremos vencer, sem Hulk e Alvaro, jogadores importantes na manobra da equipa, o lateral pela profundidade, o Incrível pela capacidade de desequilibrar e decidir, o F.C.Porto fez uma 1ª parte que só com um grande esforço de contenção sou capaz de qualificar. Nada se aproveitou na 1ª parte portista. Desinspiração total. Defesa tremida, meio-campo apático, lento e sem imaginação e ataque completamente inexistente e que ainda conseguiu ser pior que os outros dois sectores. É preciso recuar até aos piores tempos de Jesualdo, para me lembrar de uma exibição igual. Pareciamos um grupo de amigos que se tinham juntado, pela primeira vez, para fazer um jogo de futebol...

A segunda foi melhor na atitude, o ritmo aumentou, criamos mais lances de perigo, mas faltou organização, cabeça fria, discernimento. Foi um Porto trapalhão, sem criatividade, incapaz de massacrar e se tivemos algum azar, também e é justo referi-lo, tivemos alguma sorte. Só na parte final, mais com o coração do que com a cabeça, encostamos o Feirense lá atrás.

As razões para a péssima prestação da equipa de Vítor Pereira, começam na abordagem ao jogo. Se Hulk e Alvaro não estavam a 100% e em condições de jogar, compreendo que não tenham jogado, o plantel dá garantias, mas se já tinhamos fora dois jogadores nucleares, porquê ainda mais mexidas? Porquê a descaracterização de uma equipa que tinha vindo a jogar bem, principalmente no meio-campo? Mas continuou durante o jogo, com várias decisões que não entendo...

O que está Walter a fazer no banco? Se está no banco, é porque tem condições de jogar e com Kléber a não dar uma para a caixa, porque não sai o ex-Marítimo e entra o Bigorna? O que ficou tanto tempo Belluschi, completamente desastrado, a fazer no campo? Porque não saiu para uma simples troca com Defour, que entrou para o lugar de Rodríguez, numa altura que o uruguaio estava a melhorar e tinha mandado uma bola de cabeça à barra? Ainda, porque entrou Djalma e não Walter, quando tinhamos Varela na direita, James podia encostar à esquerda e não tinhamos ninguém na área? Então não podiamos passar o Fucile para a direita, Rolando no meio e Mangala na esquerda, ficando a jogar com três defesas, quando Sapunaru saiu em dificuldades e entrou o angolano? James no meio, tudo bem, mas com alguém com quem possa jogar, tabelar, para aparecer a finalizar. E a referência, na área, quem era? Tinhamos alas e ninguém para aparecer a dar seguimento aos cruzamentos?

Foram erros a mais, para um jogo só. Quando se erra tanto, até se pode ganhar, mas a maioria das vezes não se consegue. Foi o que aconteceu, numa noite para esquecer de todos, técnicos e jogadores.
Dito o que precisava de ser dito, assunto arrumado, é necessário olhar para a frente a aprender com os erros, para que não se voltem a repetir. A lição que fica é: todos os jogos são importantes e quando não são todos encarados da mesma forma, as surpresas acontecem. Agora, a melhor forma de ultrapassar este contratempo, é ganhar aos vermelhos e mostrar que o que aconteceu, foi uma excepção que vai confirmar a regra: um Grande Porto, em 2011/2012.

Notas finais:
Lamentavelmente, tinha dito, na antevisão, que a forma como abordassemos o jogo seria fundamental para o que seria o desenrolar da partida. Infelizmente tive razão, o que temia aconteceu... Até no cartão a James que foi muito injusto. Não critico o colombiano, foi uma reacção a quente, que só não compreende, quem nunca jogou à bola.

Os últimos são os primeiros e os únicos que hoje não fizeram falta de comparência, foram os adeptos, incansáveis no apoio. Parabéns!

Abraço

De
 
Nome

Url

Email

Guardar Dados?

Ainda não tem um Blog no SAPO? Crie já um. É grátis.

Comentário

Máximo de 4300 caracteres



Copiar caracteres

 



Estádio do Dragão
Setembro 2011
D
S
T
Q
Q
S
S

1
2
3

4
5
6
7
8
9
10

12
15
16

19
20
22
23

25
26
27
30


subscrever feeds
blogs SAPO