30.4.11

REINALDO DESATOU «NÓ» DO JUVENTUDE DE VIANA

Cinco golos de Reinaldo Ventura permitiram ao FC Porto Império Bonança «dar a volta» à organizada formação do Juventude de Viana e vencer por 7-4, num encontro em que os Dragões até chegaram ao intervalo em desvantagem. Os azuis e brancos foram mais determinados e têm agora pela frente quatro «finais» para garantir o «deca».

Os Dragões entraram bem na partida, que poderiam ter resolvido nos instantes iniciais, em que dispuseram de várias oportunidades de golo. No entanto, contra a corrente do jogo, aos 12 minutos, Luís Filipe abriu o marcador. Reinaldo Ventura restabeleceu a igualdade logo no minuto seguinte, mas seriam os forasteiros a chegar ao descanso em vantagem, graças a um livre directo convertido por João Vieira. 

O FC Porto enfrentava um adversário esforçado, mas não apresentava menos empenho num encontro em que a vitória era decisiva na luta pelo título nacional. Logo aos dois minutos da segunda parte, Reinaldo Ventura fez o 2-2, na recarga a um penalti, mas o Juventude de Viana recolocou-se na frente no lance seguinte, por intermédio de Luís Filipe.

Começava a criar-se alguma tensão no Dragão Caixa, mas as mangas estavam arregaçadas e a superioridade portista viria ao de cima. Emanuel Garcia fez o 3-3 (dando sequência a um excelente passe de Pedro Moreira) e, no mesmo minuto 30, uma «bomba» de Reinaldo Ventura colocou finalmente a equipa da casa em vantagem.

A partir daí, os azuis e brancos não mais perderam as rédeas do encontro, actuando com inteligência e gerindo a vantagem. Depois de duas bolas nos ferros e um penalti não assinalado, Gonçalo Suíssas resolveu o encontro, com o 5-3, aos 43 minutos. No entanto, Reinaldo Ventura (que até saiu lesionado do ringue) ainda teve tempo para juntar mais dois golos à sua conta pessoal.

No final, o técnico Franklim Pais analisou o encontro: «Foi um belíssimo jogo. Na primeira parte não concretizámos as oportunidades que tivemos e o Viana foi mais feliz, chegando ao intervalo em vantagem. Na segunda parte, competia-nos ir atrás do prejuízo. Houve grande mérito dos jogadores, alguns deles limitados fisicamente. O Reinaldo Ventura saiu com uma lesão, o Filipe Santos tem uma lesão na coxa e não treinou durante a semana. Faltam quatro ‘finais’ para nos sagrarmos campeões e vamos procurar vencê-las».

FICHA DE JOGO

FC Porto Império Bonança-Juventude de Viana, 7-4
Campeonato nacional, 26.ª jornada
30 de Abril de 2011
Pavilhão Dragão Caixa, no Porto
Assistência: 880 espectadores

Ao intervalo: 1-2
Marcadores: Luís Filipe (12m, 28m e 47m), Reinaldo Ventura (13m, 27m, 30m, 44m e 48m), João Vieira (22m), Emanuel Garcia (30m) e Gonçalo Suíssas (43m)
Disciplina: cartão azul para Pedro Moreira (22m)

 

FCPORTO.pt 

 

Mais uma importante vitória para a conquista do DECA campeonato, jogo complicado com é normal tendo em conta o valor da equipa adversária, grande destaque para o Ventura que fez 5 golos. 

 

 

link do postPor 100% Dragão, às 18:03 

De
 
Nome

Url

Email

Guardar Dados?

Ainda não tem um Blog no SAPO? Crie já um. É grátis.

Comentário

Máximo de 4300 caracteres



Copiar caracteres

 



Estádio do Dragão
Abril 2011
D
S
T
Q
Q
S
S

1
2

3
4
5
6
7
8
9

10
11
12
13
14
15
16

17
18
19
20
21

24


subscrever feeds
blogs SAPO