13.3.13

 

 

Málaga 2-0 FC PORTO 

 

Recuperados de lesões, Moutinho e Mangala foram titulares. Mas a grande novidade era a aposta na dupla Defour/Varela para as alas.

 

O inicio do jogo até foi positivo. O Porto tinha mais posse de bola e a pressão alta não deixava o Málaga jogar. O problemas foi nos últimos 20 minutos onde inexplicavelmente ficamos muitos nervosos. Muitas perdas de bola, não conseguíamos fazer 2 passes seguidos e muita faltas desnecessárias. Com isto o Málaga cresceu e ganhou confiança e acabou por fazer o golo, primeiro tivemos sorte porque o arbitro anulou (mal) um golo aos Espanhóis mas de seguida Isco fez um golão. 

 

A segunda parte começou muito mal, Moutinho foi substituído por razões físicas e pouco depois Defour foi (bem) expulso. O Belga esteve muito mal, condicionou a equipa para o resto do jogo. A jogar com 10 jogadores era necessário ter uma equipa bem fisicamente mas logo aos 60 minutos mais um problema, Alex Sandro estava completamente esgotado, teve que ser substituído. O Porto ia aguentando, o Málaga mesmo com  mais 1 jogador não tinha a capacidade para criar muito perigo. O 2º golo apareceu depois de um canto. Não podíamos sofrer um golo numa bola parada nesta fase do jogo. Depois tentamos fazer um golo que daria a passagem mas já não havia capacidade para isso. 

 

 

O trio de ataque

 

Vítor Pereira começou o jogo com Defour e Varela nas alas. James, Izmaylov e Atsu ficaram no banco. Não faz sentido! Sem nenhum desequilibrador em campo, começamos o jogo limitados ofensivamente. Percebo a entrada do Defour mas com o Belga em campo não faz sentido apostar no Varela até porque não tem jogado rigorosamente nada nos últimos tempo, hoje voltou a não fazer nada. Ou jogava 1 ou jogava o outro, os dois juntos não. O James está limitado fisicamente mas tínhamos o Izmaylov e até o Atsu. Ter um ataque resumido a 1 jogador (Jackson Martinez) é muito curto para uma equipa como o Porto. Vítor Pereira esteve mal na minha opinião. 

 

Destaques Positivos: Lucho - Sem ter feito um jogão foi um verdadeiro capitão. Deu o exemplo, nunca desistiu, lutou até ao fim. Foi como muitas vezes quem correu mais. Hoje foram 11 655 km. 

 

Destaques Negativos: Defour - A sua expulsão foi um momento importante. Erro de amador, Inaceitável. Varela - Não jogou nada. Não é de hoje. 

 

Conclusão: Não tenho duvidas que somos superiores a este Málaga, mas hoje fomos inferiores e o resultado acaba por ser justo. Muito nervosismo e faltou maior capacidade ofensiva, não é de hoje. Ser eliminado por uma equipa inferior aumenta a frustração. Agora é olhar para o futuro e ser Campeão. É o que se exige a nossa equipa e acredito que podemos chegar lá. Nos bons e nos maus momentos... Força Porto!

 

link do postPor 100% Dragão, às 22:26 

De
 
Nome

Url

Email

Guardar Dados?

Ainda não tem um Blog no SAPO? Crie já um. É grátis.

Comentário

Máximo de 4300 caracteres



Copiar caracteres

 



Estádio do Dragão
Março 2013
D
S
T
Q
Q
S
S

1
2

3
4
5
6
7
8
9

11
12
14
15

18
19
21
22
23

25
26
27
28
29

31


subscrever feeds
blogs SAPO