14.1.13

 

 

Benfica 2-2 FC PORTO

 

Vítor Pereira fez alinhar o 11 esperado tendo em conta a ausência do James. 

 

O jogo começou a um ritmo louco, logo aos 8 minutos depois de uma bola parada batida por João Moutinho, Mangala finalizou de cabeça. Mas no minuto seguinte depois de um canto, o Benfica empatou, Matic fez o golo da sua vida. O jogo estava maluco e o Porto 5 minutos depois volta a liderar o marcador com um golo do Jackson Martinez que aproveitou um erro do GR (quem é que tem que jogar com 3 GR???) adversário. Mas mais uma vez o Benfica empata no ataque seguinte, com a nossa defesa a dormir, Otamendi foi infeliz neste lance. O jogo continuou intenso até aos últimos 10 minutos, depois disso o jogo baixou de ritmo, normal...

 

A segunda parte foi bem mais tranquila, o Porto com um meio campo muito forte dominou o jogo mas sem conseguir criar perigo, faltou alguém para dar criatividade no ultimo terço do terreno, faltou James. O Benfica não conseguia fazer rigorosamente nada mas sem saber como, tiveram uma oportunidade clara pelo mega Goleador Cardozo, mas Helton respondeu da melhor maneira as piadinhas feitas na semana passada com uma Grande defesa.

 

Destaques Positivos: Mangala - Está numa forma incrível. É um autentico muro. Ainda fez um importante golo. Alex Sandro - Bem a defender, sai a jogar com uma classe impressionante. Que grande jogador. Jackson Martinez - Alem do golo, trabalhou o jogo todo. 

 

 

Antes do Jogo

 

Li vários artigos de opinião na CS que davam claro favoritismo ao Benfica, por momento pensei que os Bi-Campeões eram eles. Mas não, era somente uma normal semana de trabalho nos pasquins de Lisboa. 

 

 

Arbitragem

 

Como é obvio o João "pode ser" foi nomeado com um objectivo claro... prejudicar o Porto. Na primeira parte o seu assistente marcou mal 3 foras de jogo, 2 deles eram lances muito perigosos. Na segunda parte o Matic deveria ter visto o 2º amarelo mas o momento do jogo estava para chegar... Maxi Pereira protagonizou um momento de Karaté de grande qualidade, OBVIO cartão vermelho transformado num amarelo para disfarçar. 

 

 

Vítor Pereira

 

Sem um jogador chave como James, sem Maicon, Atsu e até sem Kléber. Vítor Pereira tinha muitos problemas e no banco de suplentes muito poucas soluções. Mas mesmo assim... Na primeira parte como o jogo esteve partido a coisa ficou disfarçada, mas na segunda parte foi evidente... o Vítor Pereira deu um banho táctico ao catedrático. Faltou maior criatividade ao nosso ataque, com o James esta 2ª parte daria numa vitória. No final do jogo com garra disse algumas verdades, obvio que a CS de Lisboa o vai criticar por isso. Normal... é bom sinal, Continua assim Vítor. Gostei!!! 

 

 

Os milhares de Portistas que foram à luz

 

Desde o inicio do jogo até ao fim os nossos adeptos estiveram fantásticos. ENORMES! 

 

 

Liga de Clubes

 

Uma imagem vale mais do que mil palavras... 

 

 

Conclusão: Durante a semana eles eram favoritos, eles é que sabem jogar um futebol espectacular e tal... O Porto foi no geral superior o jogo todo. O nosso meio campo dominou o adversário, a nossa pressão alta não deixou o adversário fazer o seu jogo. Mérito para Vítor Pereira. Dominamos mas criamos poucas oportunidades de golo, faltou alguma criatividade no nosso ataque, sem James fica tudo mais difícil. Assim para mim o resultado foi justo. Com humildade temos que reconhecer que empatar na casa do adversário é positivo.

 

Na fanfarronice eles são muito melhores, agora em Qualidade, Personalidade e Carácter a conversa é outra. 

 

 

  

 

PS: O Campeonato vai ser disputado até ao fim. Dava jeito um reforço de qualidade para o nosso ataque. 

 

link do postPor 100% Dragão, às 00:43 

De
 
Nome

Url

Email

Guardar Dados?

Ainda não tem um Blog no SAPO? Crie já um. É grátis.

Comentário

Máximo de 4300 caracteres



Copiar caracteres

 



Estádio do Dragão
Janeiro 2013
D
S
T
Q
Q
S
S

1
2
3
4
5

6
7
8
9
10
11

15
16
17
18

20
21
22
25

29
30
31


subscrever feeds
blogs SAPO