27.8.14

 

 

FC PORTO 2-0 Lille

 

Lopetegui repetiu o mesmo 11 de França. 

 

Dominamos completamente o jogo. Apesar de ser o Lille a ter que marcar foi sempre o Porto a a ter a iniciativa do jogo, os franceses continuaram com a sua estratégia de jogar em contra ataque. O Porto em vantagem não tinha que arriscar nada, tinha era de controlar o jogo e foi o que fez. Muitos fortes na pressão os franceses não tiveram hipóteses, alias não criaram qualquer oportunidade de golo. Apesar do domínio as oportunidade não era muitas ao intervalo o resultado continuava 0-0. 

 

Entramos bem na 2ª parte, Herrera ficou perto do golo que pouco depois acabou por chegar. Brahimi de livre fez um golão,  rematou ao angulo da baliza não dando hipóteses ao GR adversário. Depois do golo o jogo continuou a ser controlado pelo Porto e o 2º golo veio de forma lógica, forte pressão do Herrera, Evandro deu a bola a Brahimi que isolou Jackson Martinez que finalizou de pé esquerdo com um belo remate cruzado. Sinal para a lesão do Alex Sandro, não é nada de grave. 

 

Esta feito, estamos na Champions! Era o grande objectivo do inicio desta época e não era fácil. Com um treinador novo, com uma equipa quase toda nova, com muita juventude, esta pré-eliminatória era muito perigosa. O adversário tem o mesmo plantel e o memos treinador, começou mais cedo a época e é uma boa equipa. Mas fomos desde 1º minuto da eliminatória dominadores. 

 

Destaques Positivos: Brahimi - É um verdadeiro craque! Pode jogar na ala esquerda, direita, no meio... marca livres, e também ajuda na defesa. Tem tudo para ser o destaque esta época. Centrais: Indi, Maicon e também Reyes estiveram impecáveis. 

 

Destaques Negativos: Ruben Neves - esta claramente a acusar a fadiga. Não é fácil para um juvenil jogar a este ritmo jogos seguidos. A nossa pérola precisa de descanso. 

 

O estádio do Dragão mais uma vez esteve cheio, os portistas estão com esta equipa, pena o assobios sem nexo durante o jogo e no momento da ultima substituição. 

 

 

Com a Champions garantida e com o mercado quase a fechar, Lopetegui vai ter a condições ideais para fazer evoluir a equipa. Já estamos a um excelente nível mas o potencial de crescimento desta equipa faz sonhar... 

 

Sorteio na 5ª feira. O Porto está no pote1. 

 

PS: Não foi possível por falta de tempo fazer o tópico da vitória sobre o Paços. Jogo sofrido mas que o Porto venceu de forma justa. 

 

link do postPor 100% Dragão, às 15:31  Ver Comentários (1) Comentar

21.8.14

 

 

Lille 0-1 FC PORTO

 

Num jogo muito importante para o resto da época Lopetegui escolheu um 11 mais conservador. Entrou Casemiro para o lugar do Quaresma. Um meio campo reforçado com Oliver descaído numa das alas. 

 

A primeira parte foi controlada por nos, chegamos a ter 70% de posse de bola. O Lille que jogava em casa tinha a obrigação de fazer mais mas a sua estratégia passava por jogar recuado e aproveitar o contra ataque. O Porto apesar da sua juventude não caiu na armadilha dos Franceses e nunca se desposicionou. Faltava ao controlo do jogo conseguir criar oportunidades, faltava soluções ofensivas. Sinal para o penalty claro que ficou por marcar, Jackson quase ficou sem a sua camisola, o arbitro de baliza ficou a dormir. 

 

A segunda parte foi mais interessante, tivemos um ou outro momento menos bom mas no geral continuamos a controlar o jogo. Lopetegui para dar mais vida ao ataque tirou Brahimi e colocou Tello. Pouco depois Tello num belo cruzamento encontrou a cabeça de Jackson Martinez que obriga o GR adversário a uma grande defesa, na recarga Herrera no sitio certo finalizou. Um golo fundamental. 

 

O resultado é óptimo, permite encarar o jogo do Dragão com maior tranquilidade e vai obrigar o Lille a jogar de uma forma diferente. 

 

A exibição no geral foi boa, foi uma exibição colectiva não houve grandes destaques individuais. A defesa esteve bastante bem tirando um ou outro momento, a nossa dupla de centrais começa a dar segurança. 

 

Rúben Neves - Continua a fazer historia, é agora o português mais novo de sempre a jogar na Champions. Desta vez jogou mais a frente no meio campo e mais uma vez esteve muito bem. Tem uma maturidade incrível para um miúdo de 17 anos. Uma pérola que Lopetegui não teve medo de apostar. A primeira vitória do Espanhol. 

 

A vantagem é boa mas ainda nada está resolvido. Para já temos que pensar no jogo frente ao Paços e depois no Dragão (espero que cheio) temos que confirmar a importantíssimo passagem para a Champions. 

link do postPor 100% Dragão, às 18:28  Comentar

16.8.14

 

 

FC PORTO 2-0 Marítimo 

 

Para o primeiro jogo oficial da época Lopetegui fez alinhar o seguinte 11: Fabiano, Danilo, Maicon, Indi, Alex Sandro; Ruben Neves, Herrera, Oliver; Quaresma, Brahimi e Jackson. 

 

O Estádio do Dragão estava totalmente cheio. 

 

Foi um jogo totalmente dominado e controlado por nós. É verdade que não foi um jogão da nossa parte. Faltou criar mais oportunidades de golo tendo em conta o domínio que tivemos mas para primeiro jogo só posso estar satisfeito. O Marítimo foi sempre uma equipa recuada no terreno e muito bem organizada o que nos dificultou bastante. 

 

Começamos bem o jogo, a equipa entrou com vontade de entrar a marcar cedo e conseguimos. Depois de um canto a bola sobra para o miúdo Ruben Neves e com um excelente remate abriu o marcador e fez história no nosso clube... é o mais novo titular na Liga e o mais jovem marcador na historia do clube. Ainda na 1ª parte criamos mais algumas oportunidades mas o marcador não sofreu alterações. 

 

Na 2ª parte continuamos a dominar mas com menos qualidade no seu inicio. Para melhorar foi importante a entrada do Casemiro, entrou e a nosso equipa voltou a dominar totalmente o jogo. Faltava o segundo golo para dar tranquilidade a equipa a ao publico. Esse golo só apareceu no ultimo minuto depois de uma grande jogada do Tello que ofereceu o golo a Jackson Martinez.

 

Casemiro, Evandro e Tello entraram muito bem jogo, vai dar muito jeito a Lopetegui ter um banco tão forte como o que temos actualmente, nada a ver com o que acontecia no ano passado. 

 

Destaques Positivos: Rúben Neves - Foi titular e marcou, como já escrevi fez história no clube. Tem uma maturidade incrível olhando para a sua idade. Brahimi - Foi o melhor jogador em campo. Foi quase sempre ele a criar os maiores desequilíbrios, é um craque! Casemiro - A sua entrada deu o que a equipa precisava, será brevemente titular. 

 

Destaques Negativos: Herrera - Foi talvez a única exibição negativa, nunca conseguiu entrar no jogo. Foi substituído de forma lógica. 

 

Conclusão: Não foi um jogo de sonho, ainda há  muita coisa a melhorar. É também por isso que estou com muita expectativa para esta época, a equipa já esta a um bom nível mas tem potencial para crescer de forma brutal. Vamos ver se o Lopetegui consegue tirar tudo deste belo plantel. Para começar foi um belo jogo num estádio do Dragão cheio. 

 

link do postPor 100% Dragão, às 17:23  Comentar

Desde 22/04/2011
FC PORTO 2012
Supertaça
Bi-Campeões
Este é o Nosso Destino
A vencer desde 1893
Taça dos Campeões Europeus 1987
Taça Intercontinental
1987
Supertaça Europeia
1988
Taça UEFA
2003
Liga dos Campeões
2004
Taça Intercontinental
2004
Liga Europa
2011
Estádio do Dragão
Modalidades
Andebol - Tetra Campeões
Hóquei em Patins
Basquetebol
Origem da Visita
free counters
Agosto 2014
D
S
T
Q
Q
S
S

1
2

3
4
5
6
7
8
9

10
11
12
13
14
15

17
18
19
20
22
23

24
25
26
28
29
30

31


Contador
subscrever feeds
blogs SAPO